Os cuidados das ópticas quanto aos danos à visão dos consumidores

Publicado em: 05/11/2018

Dicas Jurídicas

O Direito do Consumidor tem um rol de seis direito básicos, quais sejam: proteção à saúde, à vida,à segurança, à informação, à educação, à liberdade de escolha e à igualdade nas contratações. Trabalhando nessa linha, as ópticas têm uma grande responsabilidade junto ao consumidor, a fim de resguardar o respeito a todos os direitos que a parte mais frágil da relação de consumo possui.

Primeiro cuidado a ser tomado é com a procedência das mercadorias colocadas no mercado. É importante, sendo óculos e lentes itens que impactam na saúde do usuário, que os produtos sejam certificados quanto à fabricação e igualmente no que diz respeito à proteção solar, sendo o caso.

Ademais, o comerciante óptico deve dar opções aos consumidores quando houver mais de um fabricante de determinado produto. Pode ser considerada prática abusiva contra o consumidor, oferecer somente uma marca determinada quando há outras opções que proporcionariam os mesmos benefícios talvez a preços mais razoáveis.

Por fim, sendo a óptica quem possui informações detalhadas sobre seus produtos, deve repassá-las da forma mais completa possível ao seu consumidor. É dever do comerciante referir cuidados com armações, lentes, etc, podendo ser cobrado caso se omita em relação a algum aspecto do produto.

Com esses cuidados, além de garantir um bom atendimento ao seu cliente, a óptica diminui seus riscos de atividade quanto ao consumidor, minimizando a possibilidade de eventuais demandas ou reclamações.


Carolina Zenha Saraiva

Assessoria Jurídica 

Ajorsul